My Books

My Books

sábado, 27 de fevereiro de 2016

Six of Crows (Review/ Resenha)

"The Ice Court had been built to withstand an onslaught of armies, assassins, Grisha, and spies. When Inej said as much to Kaz, he simply replied, 'But it hasn't been built to keep us out.'

His confidence unnerved her. 'What makes you think we can do this? There will be other teams out there, trained soldiers and spies, people with years of experience.'
'This isn't a job for trained soldiers and spies. It's a job for thugs and thieves.' ▬ A Corte de Gelo foi construída para resistir a ataques de exércitos, assassinos, Grisha, e espiões. Quando Inej disse isso a Kaz, ele simplesmente retrucou, 'Mas não foi construída para nos manter fora.' A confiança dele a deixou nervosa. 'O que te faz pensar que nós podemos fazer isso? Haverá outros times lá, soldados e espiões treinados, pessoas com anos de experiência.'
'Esse não é um trabalho para soldados e espiões treinados. É um trabalho para bandidos e ladrões.'"



Tittle/ Tíltulo: Six of Crows/ Os Seis do Corvo
Author/ Authora: Leigh Bardugo
Publisher/ Editora: Henry Holt
Year/ Ano: 2015
Hardcover/ Capa Dura: 480 pages/ páginas
Language/ Idioma: English/ Inglês



Sinopse

EN: Ketterdam: a bustling hub of international trade where anything can be had for the right price - and no one knows that better than criminal prodigy Kaz Brekker. Kaz is offered a chance of at a deadly heist that could make him rich beyond his wildest dreams. But he can't pull it off alone...

A convict with a thirst for revenge
A sharpshooter who can't walk away from a wager
A runaway with a privileged past
A spy known as the Wraith
A Heartrender using her magic to survive the slums
A thief with a gift for unlikely escapes

Kaz's crew are the only ones who might stand between the world and destruction - if they don't kill each other first.


PT: Ketterdam: um movimentado ponto de transações internacionais onde tudo pode ser adquirido pelo preço certo - e ninguém sabe mais disso que o prodígio criminoso Kaz Brekker. Kaz é oferecido uma chance mortal num roubo que pode o tornar rico muito além de seus mais ambiciosos sonhos. Mas ele não pode fazer isso isso sozinho...

Um condenado com sede de vingança
Um franco-atirador que não consegue dizer não a uma aposta
Um fugitivo com um passado privilegiado
Uma espião conhecida como Fantasma
Uma "controladora de corações" usando sua mágica para sobreviver na favela
Um ladrão com uma habilidade improvável para escapar

O grupo de Kaz é o único que talvez possa aguentar ficar entre o mundo e a destruição - isso é, se eles não se matarem primeiro.



"A gambler, a convict, a wayward son, a lost Grisha, a Suli girl who had become a killer, a boy from the Barrel who had become something worse. ▬ Um apostador, um condenado, um filho desobediente, uma Grisha perdida, uma garota Suli que se tornou uma assassina, um garoto do 'Barril' que se tornou algo pior."


Review/ Resenha

EN: Six of Crows is the first Leigh Bardugo's book that I read. I still have to read the Grisha Trilogy, but this book made such an amazing impression on me that I'm sure I will like any other Leigh's book.
For those (like me) who haven't read the Grisha Trilogy, the beginning may be a little bit confusing. Mostly, to understand the variety of the Grishas types and their power. But it will get easier to understand as the book goes on.
The story itself is developed around a highly dangerous drug called jurda parem. This drug is being used to increase the Grishas power, but it is extremely addicting. One dose is enough to make the user dependent on it. And, if the addicted Grisha doesn't take regular doses, they will die. But even if they do, this drug is so powerful that it starts to consume the Grisha's body.
Kaz is offered millions to assemble a team to break into the Ice Court and rescue the only man who can make this drug. And the problems begin exactly in that: Kaz's crew is a mix of thieves and spies that have a lot of trust issue and grudges in their past. For this to work, they will have to come together and try to cast aside their differences, mistrust and prejudice on each other, because the price of this insane heist can and will change their life forever.
Six of Crows was my first favorite reading of this year. The plot twist is crazy and, in every turn, has another impossible obstacle for Kaz's crew to overcome.

If you haven't read it yet, you totally should! I loved this book from the first to the last page!

PT: Os Seis do Corvo é o primeiro livro da Leigh Bardugo que eu leio. Eu ainda tenho que ler a Trilogia Grisha, mas esse livro teve uma impressão tão maravilhosa em mim que eu tenho certeza que eu vou gostar de qualquer outro livro da Leigh.
Para aqueles que (como eu) ainda não leram a Trilogia Grisha, o início é um pouquinho confuso. Mais ainda para entender a variedade dos tipos de Grisha e seus poderes. Mas vai ficando mais fácil de entender de acordo com o avanço da história.
A história em si se desenvolve ao redor de uma droga altamente perigosa chamada jurda parem. Essa droga está sendo usada para aumentar o poder das Grishas, mas é extremamente viciante. Uma dose é suficiente para tornar o usuário dependente. E se o viciado não tomar doses regularmente, ele morrerá. E mesmo que ele tome, essa droga é tão nociva que consome o corpo da Grisha.
Kaz é oferecido milhões para juntar um grupo e com ele invadir a Corte de Gelo e resgatar o único homem que pode fazer essa droga. E os problemas começam exatamente aí: a equipe de Kaz é uma mistura de ladrões e espiões que têm muitos problemas em confiar uns nos outros e rancores do passado. Para isso funcionar, eles vão ter que se unir e tentar deixar de lado as diferenças, desconfianças e preconceitos, porque o prêmio desse assalto insano pode e vai mudar a vida deles para sempre.
Os Seis do Corvo foi minha primeira leitura favorita nesse ano. As reviravoltas são incríveis, e em cada uma delas, têm outro obstáculo a ser superado por Kaz e seu grupo.

Se você ainda não leu esse livro ainda, você deveria. Eu amei ele da primeira até a última página!




My Favorite Quotes/ Citações Favoritas

"No mourners. No funerals. ▬ Sem luto. Sem funeral."
"'I'm a businessman. No more, no less.' 'You're a thiet, Kaz.' 'Isn't that what I just said?' ▬ 'Eu sou um homem de negócios. Nada mais, nada menos.' 'Você é um ladrão, Kaz.' 'Não foi isso que eu acabei de dizer?'"
"I won't go into details. A secret's not like coin. It doesn't keep its value in the spending. ▬ Eu não vou entrar em detalhes. Um secredo não é como uma moeda. Ele não mantêm seu valor quando é repartido."
"Kaz relied on the fact that the Dregs were all murderers, thieves, and liars. He just had to make sure they didn't make a habit of lying to him. ▬ Kaz dependia do fato que os Dregs eram todos assassinos, ladrões, e mentirosos. Ele tinha apenas que ter certeza que eles não mentissem para ele."
"That's what he wants, not what he needs. Leverage is all about knowing the difference. ▬ Isso é o que ele quer, não o que ele precisa. Vantagem/ poder é saber a diferença."
"Criminal prodigy, ruthless, amoral. They called him Dirtyhands because there was no sin he would not commit for the right price. ▬ Prodígio criminoso, impiedoso, imoral. Eles o chamavam de Mão Sujas porque não há pecado que ele não cometa pelo preço certo."
"'Do it. I can't wait to tell the warden your ridiculous plans.' 'What makes you think you'll be going back with a tongue?' ▬ Faça. Eu mal posso esperar para contar ao guarda sobre seu plano ridículo.' 'O que te faz pensar que você voltaria com sua língua?'"
"The heart is an arrow. It demands aim to land true. ▬ O coração é uma flecha. Ele demanda mira para que seja acertado."
"Be decisive. You have to know where you want to go before you get there. ▬ Seja decisivo. Você tem que saber onde você quer ir antes de chegar lá."


"Many boys will bring you flowers. But someday you'll meet a boy who will learn your favorite flower, your favorite song, your favorite sweet. And even if he is too poor to give you any of them, it won't matter because he will have taken the time to know you as no one else does. Only that boy earns your heart. ▬ Muitos garotos vão te trazer flores. Mas algum dia você conhecerá um garoto que vai saber qual é sua flor favorita, sua música favorita, seu doce favorito. E mesmo que ele seja muito pobre para te dar qualquer um deles, isso não vai ter importância porque ele terá tido o tempo de te conhecer como ninguém mais teve. Apenas esse garoto merece seu coração."

"She wouldn't wish love on anyone. It was the guest you welcomed and then couldn't be rid of. ▬ Ela não desejaria amor para ninguém. O amor é como uma visita que você receve e que depois não consegue se livrar." 
"But here's the secret to popularity: risk death to save your compratiots from being blown to bits in an ambush. Great way to make friends. ▬ Aqui está o segredo de como se tornar popular: arrisque sua vida para salvar seus compratiotas de serem explodidos em pedacinhos em uma emboscada. É um ótimo jeito de fazer amigos."
"Go on and flex. Doesn't matter how big the gun is if you don't know where to point it. ▬ Vá em frente e se mostre. Não importa o quão grande a arma é se voc~e não sabe para onde apontá-la."
"Better terrible truths than kind lies. ▬ Melhor ourvir verdades terríveis que mentiras gentis."
"The autumn leaf might cling to its branch, but it was already dead. The only question was when it would fall. ▬ A folha de outono pode se agarrar aos galho, mas já está morta. A única dúvida é quando ela vai cair."
"Survival wasn't nearly as hard as he'd thought once you left decency behind. The first rule was to find someone smaller and weaker and take what he had. ▬ Sobreviver não era nem de perto tão difícil quanto ele imaginou, uma vez que você deixe a decência para trás. A primeira regra era achar alguém menor e mais fraco e tirar o que esse alguém tinha."
"She had no family, no parents or siblings, only people to fight beside. Maybe that was something to be grateful for, too. ▬ Ela não tinha família, nenhum parente ou irmãos, apenas pessoas para lutar lado a lado. Talvez isso fosse algo para se sentir grata também."
"Do you know the secret to gambling, Helvar? Cheat. ▬ Você sabe o segredo de apostar, Helvar? Trapacear."
"They were like anyone else - full of the potencial to do great good, and also great harm. ▬ Eles eram como qualquer outra pessoa - cheios de potencial para fazer o bem, e também para fazer o mau."
"The life you live, the hate you feel - it's poison. I can drink no longer. ▬ A vida que você vive, o ódio que você sente - é um veneno. Eu não posso mais aguentar."
"If you want to kill a vine, you didn't just keep cutting it back. You tore it from the ground by the roots. ▬ Se você quiser matar uma videira, você não a corta para que ela não cresça. Você tem que arrancar ela do chão pelas raízes."
"There was no part of him that was not broken, that had not healed wrong, and there was no part of him that was not stronger for having been broken. ▬ Não havia nenhuma parte dele que não estivesse quebrada, que não tivesse sarado/curado errado, e não havia uma parte nele que não fosse mais forte por ter sido quebrada."
"No, little brother. No one is stronger. You've cheated death too many times. Greed may do your bidding, but death serves no man. ▬ Não, irmãozinho. Ninguém é mais forte. Você enganou a morte muitas vezes. A ganância pode ser seu lance, mas a morte não serve a ninguém."
"They'd come to the Ice Court scurrying like rats. Live or die, they were going out like an army. ▬ Eles entraram na Corte de Gelo correndo como ratos. Vivos ou mortos, eles sairão como um exército."
"'I'm going to hunt slavers.' 'Purpose. You know you can't stop them all.' 'If I don't try, I won't stop any.' ▬ 'Eu vou caçar traficantes de escravos.' 'Propósito. Você sabe que você não pode parar todos eles.' 'Se eu não tentar, não vou para nenhum.'"
"I will have you without armor, Kaz Brekker. Or I will not have you at all. ▬ Eu terei você por completo, Kaz Brekker. Ou então eu não te tirei de nenhuma maneira."
"How did you survive the Barrel? When they took everything from you, you found a way to make something from nothing. ▬ Como você sobreviveu ao 'Barril'? Quando eles tiram tudo de você, você descobre um jeito de fazer algo do nada."


Rate/ Classificação:

 

Nenhum comentário:

Postar um comentário